Lavandula Angustifolia

Há boas razões para que o óleo de lavanda (ou alfazema) seja um dos óleos essenciais mais apreciados, uma vez que tem excelentes qualidades terapêuticas, aliadas a um aroma muito agradável.

É um óleo calmante e relaxante, que combate as crises de stress, enquanto que as propriedades anti-sépticas ajudam com as constipações, a gripe e outras doenças relacionadas com o frio. É excelente para a asma e enxaquecas. Para além dos benefícios específicos para a mulher (é útil para controlar a TPM aliviando os seus sintomas e na menopausa ajuda a controlar as emoções), sobre a pele tem um efeito regenerador, evitando cicatrizes e auxiliando a equilibrar a pele. É também utilizado para limpar feridas e para o tratamento de queimaduras.

O nome é derivado da palavra latina '"Lavare", que significa" lavar " e era bastante usado pelos romanos nos banhos.
 
O óleo de lavanda é extraído das sumidades floridas e folhas da planta Lavandula Angustifolia por arraste de vapor.
 
Características do óleo: O óleo de lavanda tem um aroma fresco e suave, é claro na cor e aquoso na viscosidade. (Mais info na Ficha Técnica)
 
Precauções: Embora o óleo de lavanda seja considerado um dos mais seguros óleos essenciais, deve interromper-se a sua utilização se se verificarem quaisquer reações alérgicas. Por questões de segurança, não é aconselhado o seu uso durante a gravidez.
 
Propriedades terapêuticas: As propriedades terapêuticas do óleo de lavanda são inúmeras: é antisséptico, analgésico, anti-convulsivo, anti-depressivo, anti-reumático, anti-espasmódico, anti-inflamatório, antiviral, bactericida, carminativo, cicatrizante, regenerador, descongestionante, desodorizante, diurético, hipotensor, calmante, sedativo, sudorífico, parasiticida, vermífugo, entre outras.
 
Usos: O óleo de lavanda tem um efeito calmante e relaxante sobre os nervos, alivia a tensão, depressão, pânico, histeria e esgotamento nervoso em geral, e é eficaz para combater dores de cabeça, enxaquecas e insónias.
Também é muito benéfico para problemas como bronquite, asma, resfriados, laringite, halitose, infecções de garganta e tosse convulsa e ajuda o sistema digestivo a lidar com cólicas, náuseas, vómitos e flatulência.
O óleo de lavanda alivia a dor quando utilizado para reumatismo, artrite, lombalgia e dores musculares.
Na pele, tonifica e revitaliza e é útil para todos os tipos de problemas de pele, tais como abcessos, acne, pele oleosa, furúnculos, queimaduras, queimaduras solares, feridas, psoríase, piolhos e picadas de insectos, para os quais também actua como repelente.
É um dos poucos óleos essenciais que pode ser usado puro sobre a pele, e isto é especialmente útil no tratamento de pequenas feridas ou queimaduras superficiais.
 
O Óleo de lavanda é um dos óleos mais versáteis e úteis para ter em casa, uma vez que pode ser usado para tratar uma enorme variedade de problemas e tem inúmeras aplicações.
 
Formas de utilização/benefícios:
 
Sabão: Para além de dar um aroma maravilhoso que resiste ao processo de saponificação (em Cold Process), também disponibiliza no sabão todas as propriedades já referidas. Pode usar-se na proporção que se achar melhor, mas 15 a 30g de óleo de lavanda por quilo de óleos saponificáveis é suficiente para o aroma e as propriedades prevalecerem.
 
 - Queimadores e vaporizadores: Vaporizado, o óleo de lavanda pode ser útil para as alergias, anorexia, tonturas, insónias (também em crianças) , febre do feno, dores de cabeça, depressão, traumas, ansiedade, histeria, medo, pesadelos, irritabilidade, tensão nervosa e como repelente de insetos. Pode ajudar a curar a depressão, ajudar em situações de crise nervosa, acalmar a irritabilidade e aliviar o stress e, desta forma, aliviar os músculos tensos e espasmos musculares.
 
- Misturado com óleo de massagem ou no banho:
O Óleo de lavanda pode ser utilizado com um óleo de massagem ou diluído no banho para dores abdominais , anorexia, alergias, artrite, desordens intestinais, fadiga, febre dos fenos, dores de cabeça, insónia, alterações de humor, trauma, ansiedade, depressão, histeria, pesadelos, medo, irritabilidade, tensão nervosa, stress ou apenas pelo simples prazer de relaxar com uma fragrância tão envolvente.
 
- Como lavagem / num cotonete:
O Óleo de lavanda pode ser usado como lavagem ou  aplicado com o auxílio de um cotonete para acne, picadas de insetos, carbúnculos, contusões, frieiras, caspa e piolhos.
 
- Compressa fria:
Aplicado numa compressa fria, óleo de lavanda pode ser usado para: artrite, eczema e úlceras.
 
- Creme ou loção
Quando é usado num creme ou loção, é mais útil como alívio para queimaduras. As suas propriedades cicatrizantes ajudam a pele a cicatrizar mais rapidamente enquanto as propriedades regeneradoras ajudam a diminuir as cicatrizes. A acção calmante e anti-inflamatória do óleo de lavanda num creme ou loção, terá também uma acção equilibrante sobre a pele e pode ser utilizado para a dermatite, eczema, psoríase, queimaduras, acne e furúnculos. Quando se pretende a acção anti-inflamatória do óleo, deve usar-se em concentrações inferiores a 1%.
Ajuda a aliviar a dor de queimaduras solares e aliviaa comichão provocada por picadas de insetos.
 
 
Óleo de lavanda combina bem com: Embora os óleos essenciais se misturem bem uns com os outros, o óleo de lavanda combina particularmente bem com cedro, sálvia, gerânio, pinho, "Tea Tree",  noz moscada, neem, eucalipto, menta, ylang ylang e todos os óleos de citrinos.
 
Ficha Técnica e Certificado de Qualidade
 

Descrição: Óleo Essencial de Lavanda    

Nome INCI:  Lavandula Angustifolia (Lavender) Flower Oil

Cas Nos:        8000-28-0                                                                  Einecs No:     90063-37-9

 

ANALYTICAL DETAILS

RANGE

RESULTS

APPEARANCE

Clear, mobile liquid

Conforms

COLOUR

Almost colourless to pale yellow

Conforms

ODOUR

Fresh, sweet floral-herbaceous, slightly woody

Conforms

FLASH POINT (°C)

71

Conforms

SPECIFIC GRAVITY @ 20ºC

0.870 – 0.892

0.887

REFRACTIVE INDEX @ 20°C

1.455 – 1.466

1.459

OPTICAL ROTATION (°)

-12.5 to -7

complies

ACID VALUE

≤ 1.0

Conforms

 

Inserir Comentário

Inserir Comentário

Obs: HTML não é suportado!
    Fraco           Bom
Captcha